‘’A Arte de Construir e Inovar em Gestão de Pessoas’’ foi o painel que tratou de como ser criativo na gestão de equipes para propriedade compartilhada no Top Seller Event 2017, organizado pela RCI Brasil, nos dias 22 e 23 de novembro, no Mabu Grand Thermas Resort, em Foz do Iguaçu/PR, e teve participação de Aline Novetti, diretora da TC Brasil; Aline Gratão, diretora de vendas do Grupo GAV; Felipe Lima, diretor do Beach Park Vacation Club; Viviane Assunção, diretora do Mabu Vacation Club; e como moderador, Eduardo Honorato, diretor da New Time.

 

O moderador Eduardo Honorato iniciou o painel contando que começou no mercado de tempo compartilhado, em 1999, e ninguém sabia o que era. ‘’Nós todos pensávamos em ficar ali e depois ter outro emprego. Hoje é uma profissão’’.

 

Aline Gratão, do Grupo GAV, um dos principais players do mercado, com dois empreendimentos fracionados lançados, em Salinópolis/PA, e cinco salas de vendas na Região Norte, disse que inovar não tem que ser necessariamente algo novo. ‘’Se você traz algo que não tem na sua empresa e tinha em outra, já é um inovação’’.

 

Ela disse que uma das inovações na equipe de vendas do Grupo GAV foi querer saber as opiniões dos colaboradores para buscar soluções para problemas.

 

Para Felipe Lima, inovação não é inventar moda. ‘’Conhecer modelos de gestão é simples, aplicar isso é difícil’’. Ele contou que nos treinamentos para a alta temporada, quando a empresa contrata colaboradores temporários, diz para os consultores que não são todos que vão permanecer na empresa, mas espera que todos saiam dos três meses de temporada melhores como pessoas.

 

Não falta emprego

 

De acordo com Aline Novetti, o mercado de tempo compartilhado está na contramão da economia brasileira, enquanto que muitos brasileiros reclamam de desemprego, na propriedade compartilhada há vagas, mas falta mão de obra.

 

Ela revelou que em 2017 o foco da TC Brasil foi o desenvolvimento de líderes. ‘’Os líderes tinham desafios para serem trabalhados durante o ano’’.

 

Outras ações que alavancaram as performances, apontado por Aline, foram as campanhas para consultores do Wyndham Club Brasil, promovidas pela Wyndham Vacation Ownership, em que o melhor captador e supervisor irão participar de eventos de premiações internacionais. O President´s Awards premia os melhores supervisores (closers) e acontecerá no final de janeiro de 2018, em Puerto Vallarta, no México. O outro evento é o Clube de Elite, que premia os melhores promotores de marketing e a edição 2018 será na Jamaica.

 

Aproximação com RH

Viviane Assunção contou que a maior inovação para o My Mabu e Mabu Vacation Club foi a parceria com o departamento de recursos humanos, o RH, da Rede Mabu. ‘’Hoje, temos no RH uma profissional dedicada ao tempo compartilhado’’.

Essa profissional, apontada por Viviane, participa do dia a dia das salas de vendas e sua mesa de trabalho fica no departamento de vacation club do Mabu. ‘’Ela precisa entender qual o perfil do profissional que necessitamos’’.

 

Quando promover profissionais

 

Para Viviane, para promover um consultor para outro cargo, dentro dos cargos da propriedade compartilhada, essa pessoa tem que demonstrar possuir o comportamento adequado e disciplina. ‘’É  muito importante entregar o que se comprometeu’’.

 

De acordo com Felipe Lima, deve haver clareza no que se espera daquele profissional, antes de promovê-lo, o descritivo de cada cargo e função e quais competências são exigidas em cada cargo. ‘’Qual o grau de comprometimento daquela pessoa para o cargo’’.

 

Ele revelou que recentemente o Beach Park Vacation Club mudou a forma de premiar os supervisores de venda. Antigamente se premiava apenas quem vendesse mais. Porém, hoje, o top supervisor é quem teve o melhor desempenho dentro das tarefas que deve realizar. ‘’Supervisor não está ali só para ser vendedor’’.

 

Cuidado nas promoções

Segundo Aline Novetti, é importante definir as expectativas para cada cargo e alinhar com os profissionais se eles se sentem capacitados para desempenhar as funções. ‘’Antes de promover temos que ser cautelosos. Às vezes um ótimo supervisor não será um bom gerente’’.

 

Outros pontos essenciais apontados por Aline Novetti são disciplina e comprometimento. ‘’Apenas faturamento não pode ser parâmetro para promoção, é importante, mas não o único’’.

 

Aline Gratão contou que o Grupo GAV tem critérios já estabelecidos, e conhecidos dos profissionais, para promoções: comportamento e resultado. Ela revelou que havia um turn over na equipe de marketing (promoção e call center). “Tentamos entender as aspirações dos atendentes de call center e promotores de marketing. Nem sempre é necessário uma promoção, muitas vezes uma relocação ajuda muito”.

 

  • A Revista Turismo Compartilhado cobre o Top Seller Event a convite da RCI Brasil