• Entrevista com Sidney Machado, da Live Better Brasil

O sócio-diretor da Live Better Brasil, Sidney Machado, comenta sobre alguns temas pertinentes do mercado de propriedade compartilhada atualmente, como inovações na comercialização, papel de uma consultoria e crescimento do mercado


No último ADIT Share se discutiu muito sobre novas formas de vender produtos de propriedade compartilhada, como usar internet, por exemplo. A Live Better Brasil acredita ser possível essas inovações na comercialização?
Existem diversos caminhos novos que geram a probabilidade de maximizar a forma convencional que a propriedade compartilhada é comercializada atualmente. A Live Better é uma entusiasta no que se diz respeito a inovação, porém temos que nos atentar em atuar de forma ponderada, pois ainda temos um modelo de vendas que é eficiente e roda naturalmente. Acreditamos que agregando valor percebido a esse cenário podemos incrementar volume e qualidade nas vendas.
Hoje a internet é um fato e já andamos paralelamente criando formas de nos aproximarmos mais do nosso futuro cliente remotamente, assim criamos novos nichos para captação e vendas. Porém, acredito que hoje não seria possível manter a velocidade de vendas pela internet, pois ainda não estamos preparados para essa transição. Mas é totalmente factível essa transformação para as futuras gerações, pois o comportamento do consumidor está mudando e as formas de comercialização precisam ser implementadas, até porque existem novos canais de comunicação aparecendo e fixando novas formas de interação entre empresa e consumidor.

O que um empreendedor ou hoteleiro deve conhecer antes de investir no mercado de propriedade compartilhada?
Uma resposta como essa demandaria dados técnicos e muito específicos. Para que possamos colocar pontualmente algumas informações, necessitamos fazer que o empreendedor ou hoteleiro perceba em que mercado ele estará inserido, além de desenvolver uma viabilidade econômica do negócio muito bem elaborada e de forma conservadora, pois em muitos casos, falamos com empreendedores insatisfeitos com o business plan apresentado antes do início da operação, pois não corresponde com a realidade atual das vendas e isso tem impacto direto na estrutura financeira. Além disto, estar amparado por uma boa bandeira hoteleira faz toda a diferença, pois reforça a credibilidade dos proprietários em relação aos serviços que deverão ser entregues e favorecem o empreendedor na administração do complexo.

Sidney Machado

Com o crescimento e amadurecimento do mercado, para a Live Better, o que uma consultoria de timeshare e multipropriedade deve oferecer aos empreendedores?
O crescimento e amadurecimento do mercado fizeram com que as consultorias entrassem em outro patamar de desenvolvimento, pois, atualmente não basta apenas fazer o mais do mesmo para figurar entre os melhores serviços, o empreendedor ou hoteleiro não quer um projeto de prateleira. Sem uma visão holística e multidisciplinar do ambiente não existe a possibilidade de configurar entre os destaques do mercado. Para a Live Better, o foco no capital humano é o principal ponto de desenvolvimento para angariar resultados positivos em um projeto, até porque podemos falar de finanças, marketing, relacionamento e todos os outros tópicos, mas sempre pessoas estarão envolvidas e serão responsáveis pelos processos.